Pular para o conteúdo principal

Ele

Ele

Ele tinha mil motivos para comemorar e apenas um para estar triste (hoje), o ultimo prevaleceu. 
"... eu te amo muito, muito, muito mesmo..." entre lagrimas. 
Ele espera que o tempo permita o entendimento de sua obstinação e sua eterna irresignação. 
Não se abandona a quem se ama! - Diz ele ensaiando um choro sem lagrimas. 
A vida bateu demais e elas acabaram.  
Tudo o que deseja é poder chorar até esvaziar o peito. Mas não tem lagrimas. 
Ele não aceita a morte enquanto não houver um corpo em que circule o amor e a vida. 
Lidar com os ruins, faz melhor os bons, diz ele ao constatar um estupido projeto de extirpar amores. 
Tentam forçar a natureza como se dela pudessem extrair qualquer coisa além do natural. 
A que preço? 
Destroem a carne, a terra, a alma, as amalgamas. 
Toda pureza e equilíbrio, destroem. 
Ele? Um dia você vai passar por aqui e vai entende-lo. 
Você vai querer mais deste homem, você quer saber por que tanto bradou. Talvez o único! 
Ele? Por que tão teimoso? 
Um súdito do amor sofrido e sem lagrimas, alias, nem lagrimas tem mais, 
porque é na aridez e na fibra que se forjam os bons.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Bon apetit!

Caro Sr. Presidente,
Me reservei o direito de lhe falar na forma apropriada, na esperança de que assim eu possa fazer-me entender sem ruídos nem diferenças idiosicráticas que impeçam a boa leitura e compreensão dos termos que aqui expresso. Primeiramente, me vejo na obrigação de dizer que falo por mim, pleno em meus princípios e que espero que esta mensagem seja interpretada apenas como um gesto de profundo respeito e do desejo de, por autoridade tão elevada, me fazer entender.
Compreendo que a cultura na qual nós somos imersos ou crescemos tem um papel fundamental em moldar nossos discursos e até nossos princípios, contudo, não posso deixar de me preocupar quando percebo que tão nobre e sagrada função como esta de se ser Presidente possa estar imersa no que representa o contrário de todos os valores morais nos quais crescemos e nos desenvolvemos. Eu não posso enxergar no Senhor, Presidente, um homem espúrio e desprovido de princípios sob a pena de fazer escorrer completamente a autor…

V. Exa.

Soubesse eu que andavas por aqui e usaria as devidas reverências.

Só de ver os seus olhos...

Eu sou, definitivamente, o homem mais feliz ao ver os seus olhos.
O seu sorriso me encanta mais do que qualquer fortuna que a vida tenha me ofertado.
Eu quero só essa sensação de bem estar, de passar horas navegando por toda parte, parado na mesma fotografia.
Quando a vida for boa, eu terei vc por perto, só pra olhar nos olhos e enxergar as cores que não existem.
Ter na memória todas aquelas músicas e melodias que ja não se fazem mais.
Relembrar as memórias da pele.
Quando a vida for boa.