Quero.

Quero a melhor porção de areia, da praia mais aprazível, com a bebida mais gelada e a mais fina companhia.

Quero de novo abraçar o mundo, com um braço só, porque o outro, guardo pra abraçar o meu amor.

Quero minha luz contida, canalizada, pra não causar estragos. Quero tudo que me foi tirado de volta. Quero o mais singelo amor, a mais doce paixão, a europa na primavera e o Brasil no verão.

Quero encontrar a poesia perdia. Quero continuar firme e de pé, jamais ser vencido. Ter lucidez nos momentos de loucura e ser louco nos de mais loucura ainda. Quero a fé dos santos e a religiosidade dos Deuses.

Quero a mais perfeita poesia, na mais harmonica das músicas. E quero além. Quero a mim, quero minha casa, meu carro, meu cigarro e minha bebida, gelada, na beira da praia!

Quero devorar o mundo, como fosse um grão de sal e quero mais e quero muito e quero além. Quero a credibilidade de meus amigos e quero os melhores amigos, os que já tenho e que venham os novos.

Quero viver.

Comentários

As mais lidas.

Eu vou contar! - Je raconte à tout le monde!

Um carta de noel.